Embora esteja claro que o álcool, o tabaco, a maconha, a cocaína (crack) e os opioides sejam muito diferentes entre si, tanto farmacologicamente quanto ao impacto causado na vida do indivíduo, são todas elas substâncias causadoras de prazer imediato e intenso, ativadoras do circuito de recompensa do cérebro. Com o uso isolado, temos as consequências da intoxicação.
Com o uso repetido, estas substâncias causam alterações do funcionamento cerebral em pró do uso e apesar das consequências. Há início de sintomas pela falta da substância (nomeados abstinência), diminuição da resposta com necessidade de quantidades progressivamente maiores para que o efeito desejado seja obtido (chamamos isto de tolerância) e consequentemente impacto (que pode alcançar níveis devastadores) na saúde física e mental do indivíduo, em seu rendimento intelectual/profissional e em suas relações interpessoais.

Pré Agendamento Ou agende por
telefone ou whatsapp:
(11) 4564-3880
(11) 98327-3738